Sunday, December 19, 2010

Educação para a paz

Em ritmo de fim de ano, onde todos nós costumamos desejar aos amigos e familiares um ano próspero de muita saúde, paz e amor, gostaria de trazer um tópico que urge a nível mundial.
A internet se provou um excelente meio para se passar informações, conhecimento e debater assuntos diversos, porém também abriu as portas para o mundo virtual do ódio, da desinformação, discriminação, desrespeito ao ser humano e suas obras e da agressão verbal.
Nestas últimas semanas meus olhos se fecharam ao presenciar agressões verbais a crianças, no caso, a minha filha de 11 anos que tentou apaziguar dois adolescentes que estavam por começar uma briga virtual por intolerância religiosa.
Depois de agredida, sugeriu a criação de “uma outra forma de pensamento, "parecido com religião” (este foi o termo que ela empregou) onde as pessoas pudessem seguir certas regras para um possível entendimento.
A resposta foi negativa. Alguns até pensaram que ela estava tentando criar uma outra religião sem D’us. Certamente não era este o intuito.
Sua intenção era criar um denominador comum para que as pessoas pudessem trabalhar juntas deixando as diferenças de lado, afinal o forum era sobre leitura e escrita.
Aproveitei o ocorrido para lhe mostrar uma palestra de William Ury relacionada a um evento do qual ela havia tomado parte.
Decidimos deixar o link para a palestra como um pequeno exemplo.
Silêncio foi a resposta.
Fiquei pensativa.
Me lembrei então das palavras do falecido primeiro ministro de Israel, Yitzhak Rabin (que D’us o tenha): “Precisamos pensar diferente, olhar para as coisas de forma diferente. A paz requer um mundo de novos conceitos, novas definições”.
E é com este pensamento que gostaria de compartilhar aqui duas palestras do TED (independente de qualquer crença ou da "descrença") que ao meu ver poderão servir de base para se trabalhar a intolerância religiosa, racial, etc...

Karen Armstrong faz o seu desejo: A carta para a compaixão



A carta pela Compaixão (em português) se encontra neste link:

http://www.charterforcompassion.org/docs/cfc_dl_portugese.pdf


William Ury: O caminho entre o "não" e o "sim"



Aproveito para mostrar o que tem sido feito aqui com relação a este assunto.
Mês passado nosso colégio participou de um encontro entre as 3 religiões monoteístas chamado “Abraam’s tent (tenda de Abraão)”.
Lamentavelmente não posso postar as fotos das crianças publicamente sem a permissão dos pais, mas posso mostrar uma das atividades do evento.
A árvore da paz, onde cada criança e seus familiares deixaram suas marcas e posteriormente seus nomes.
A foto foi tirada no começo da atividade e por isso não aparecem todas as mãos.
Mas acreditem, a árvore ficou linda, cheia de mãos e nomes e com ela a minha esperança de que estas crianças possam viver num mundo de paz e harmonia tanto real quanto virtual.


Aproveito a oportunidade para deixar meus votos de feliz natal para quem o celebra e um ano novo de muita paz, saúde e harmonia.
Um abraço fraterno a todos vocês.

A propósito, sugiro aos leitores deste blog que leiam também o outro blog sobre responsabilidade social nas escolas, pois os assuntos estão interligados.

Uma pequena nota: Me desculpem publicar novamente o post, mas é que me esqueci de informar que as legendas em português para os vídeos do TED aqui postados podem ser acionadas pressionando “view subtitles”. Uma janelinha se abrirá e o leitor poderá escolher seu idioma preferido.

No comments: